Numero errado!  

Posted by Unknown in

Uma rapariga pega no telemóvel extremamente nervosa e clica no redial para falar com a sua melhor amiga.

“Bea, não sei o que fazer. Amo-o tanto e não acho que ele sinta o mesmo por mim. Quero dizer, sempre que o vejo ou penso nele, não consigo evitar sorrir. Por vezes ele vê-me sorrir e sorri de volta. É aí que os meus joelhos se tornam gelatina e sinto borboletas no estômago. Eu sei que o achas giro, adorável mas olhando mais profundamente encontras mais... Uma pessoa carinhosa, cheia de consideração e tudo isso me faz sentir que não o mereço. Bem, na verdade eu não o mereço mesmo. Ele é perfeito demais, tanto que todas as raparigas estão caídas por ele. Eu não consigo ser como elas. Elas são todas tão bonitas e cintilantes e... eu... eu não... nem me posso comparar a elas. Quando penso nele, quando o vejo, só sorrio. Ainda não te tinha dito, mas ele ligou-me há pouco tempo para falar do trabalho da escola. Fiz figura de parva. Estava completamente embaraçada e não conseguia parar de gaguejar. Mesmo assim, ele foi um querido continuando a falar como se me tentasse fazer sentir melhor. Ele é PERFEITO e eu não o mereço... Mas porque é que continuo a desejar que ele repare em mim? Porquê? Bea? Beatriz, estás aí?

“Eu não sou a Beatriz!”

Petrificada a menina pergunta, “Quem és tu?”

Eu sou o rapaz cujo sorriso transforma os teus joelhos em gelatina. Aquele que te faz sentir borboletas no estômago e que sorri quando te vê sorrir. Só te queria dizer uma coisa: Tudo o que disseste agora, é o que não tenho tido coragem para te dizer, desde há muito tempo, mais exactamente, desde o dia em que te conheci”.  


                                                                             Por:  Shilan Nozari

This entry was posted on sábado, fevereiro 12 at sábado, fevereiro 12, 2011 and is filed under . You can follow any responses to this entry through the comments feed .

5 Devaneios

Adorei :)

13 de fevereiro de 2011 às 02:35

heheheh pareceu me detectar um falsete mas se calhar estou já divagar :))) fartei-me de rir , muito fixe

18 de fevereiro de 2011 às 18:17

Gostei!

Mas o mais giro é estas "trocas" de ligações já terem acontecido na vida real...

Bom texto!

Beijitos :)

20 de fevereiro de 2011 às 12:09

acho que ´tou a ter um deja vu qualquer...

acho que ja vi isto antes?!

21 de abril de 2011 às 21:59

Basta seguir o link no final do texto para ver o site da autora.

21 de abril de 2011 às 23:57

Enviar um comentário