Contos Egóticos III  

Posted by Bruno Fehr in

Guio de Janeigo, Bguasil, 03 de Magço de 2009

Minha queguida Guita,

nem imaginas as saudades que tenho tuas, queguia que aqui estivesses a meu lado.
Estas gapaguigas bgasileigas são gigas, com uns bons cagueigos, mas não como o teu cagueigo lindo, bganco, o qual adogo deixague vegmelho das minhas pancadinhas de amogue.
Que megda de altuga paga a minha empguesa me mandague paga aqui. Sonho todos as noites, no dia em que vou voltague paga ti, pegdegue-me nos teus bgaços, chupague-te os teus lábios, lambegue-te a tua gata húmida bganquinha e gapadinha. Não há outga gata assim no mundo. Quego ouvigue-te a sussuggague a meu ouvido "engaba-me de fogça" amogue, e aí eu sacaguia do meu bacamaguete e penetgava-te esse fantástico cagueigo que está sempgue pguesente na minha memóguia.
Hoje mastuguebei-me quatgo vezes só de pensague em ti, no teu gabo, na tua gata, nas tuas mama guedondas e na tua caga lida.

Tenho muitas saudades tuas e das nossas fodas à bguta, minha pguincesa.

Do sempgue teu,

Pedgo Guenato


Bagancos, Pogtugal, 3 de Magço de 2009
Queguido Guenato, a tua paguetida deixou-me foga de mim, não me apetece comegue, bebegue, fodegue, nada...fiquei um guesto de mim quando paguetiste. Não me apetece sequegue afagague a gata...só de te imaginague aí com essas bgasileigas ofeguecidas, cheias de comichão na gata, com a gata aos pulos, fico enfuguecida, apetece-me pegague no pguimeigo avião e paguetigue paga junto de ti, amogue! Não sei como vou vivegue tanto tempo sem te vegue, sem te sentigue, sem te tegue dentgo de mim. Ainda me lembgo do dia que te levei ao aegopogto, que me puxaste paga a casa de banho e ali mesmo me engabaste a sangue fguio, és tão gomantico amogue, nem sei como me dizem que não és boa guês paga mim, és tudo o que sempgue sonhei. Quego-te tanto! Já instalei a webcam amogue, hoje à noite posso vegue-te a afagague o São Beguenado enquanto eu afago a gata! Aiii que dogue não te tegue pegueto de mim...que saudades!
Da paga sempgue tua,

Guita Magaguida

This entry was posted on terça-feira, março 3 at terça-feira, março 03, 2009 and is filed under . You can follow any responses to this entry through the comments feed .

7 Devaneios

LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL

LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL

LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOl

LOOOOOOOOOOOOOOOOOL

ai jasus, mas ca ganda dogue de baguiga!! :DDDDD

já agoga, pogque é que é tudo engabanço, han??? ca mania do gabo, pah!!!!

4 de março de 2009 às 01:06

Pois, foi... só depois de publicar é vi que que o Renato e a Rita deveriam estar na fase anal...

Para a próxima pode ser que outra cavidade seja explorada :)

4 de março de 2009 às 15:47

AHAHAHHAHAHAHHA!
O muito que me ri!!!
E não é que conheço um gajo que fala mesmo assim :)
oh amogue adogo-te tanto queguida!!!
Fizeste-me lembrar um episodio hilariante com esse sujeito e a mulher dele. Juro que até sofri de incontinência urinaria nessa noite!!

5 de março de 2009 às 00:06

Ehhehehhehe o piogue é que eu volta e meia falo assim no gozo :)...e não pago!

Guealmente, só gabo só gabo...oh Bguno, então??? Vamos vaguiague??? :)

Abgueijos pessoal

5 de março de 2009 às 15:11

Pois, tanto gabo já chateia, viguem-se pó outgo lado, pah!!!

5 de março de 2009 às 17:35

Nem sei pogque é que fui paga o gabo, eu gosto é de gata. Mas pgometo vaguiague e paga a pgóxima vamos abogdague outgo oguifício qualquegue. Sei lá uma oguelha, um naguiz ou até uma bem dada entgue os magmelos...

7 de março de 2009 às 01:39

LOOOOOOOOOOOOOL!!!!

8 de março de 2009 às 02:50

Enviar um comentário